Casal de Cacoal é preso com pistola furtada de Policial em Presidente Médici
O INFRATOR PERTENCE A UMA FACÇÃO CRIMINOSA

Publicado 17/09/2021
A A
FOTO: ASSESSORIA / Polícia Civil

Nas primeiras horas desta sexta-feira, (17), policiais civis e militares prenderam em uma chácara, um casal em Presidente Médici, que além de ser suspeito de cometer diversos crimes no referido município, estavam em posse de uma pistola que havia sido furtada de um policial. Os presos são moradores de Cacoal e o homem é mais conhecido como K2.

De acordo com informações levantadas pela reportagem, o Serviço de Investigação e Captura (SEVIC) já estava investigando o casal há algum tempo e hoje, o delegado Henrique Mendonça Bitencourt, que cuida do caso, juntamente com as equipes policiais logrou êxito em prender os suspeitos identificados pelas iniciais [ J.] , e sua [ F ].

Com os suspeitos foi localizada a referida arma de fogo, que havia sido furtada de um policial militar de Guajará Mirim no ano de 2012. Durante a ação os envolvidos não esboçaram qualquer tipo de reação, facilitando assim os procedimentos policiais.

Ainda de acordo com o delegado, [ J. ] se diz integrante de uma facção criminosa e sempre agiu de forma agressiva em suas abordagens, sendo a grande maioria cometida na área rural.

O suspeito também tinha o hábito de postar vídeos nas redes sociais enaltecendo a facção e relatando os planos audaciosos de praticar crimes de homicídios contra integrantes de facções rivais.

Mediante a situação o homem e a mulher foram conduzidos para a delegacia de Polícia Civil e após todos os procedimentos legais foram encaminhados uma unidade prisional onde permaneceram a disposição da justiça.

Como o criminoso fazia o uso da tornozeleira eletrônica, esta facilitou o trabalho da polícia na localização.

Fonte: alertacacoal

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?