Polícia
CRUELDADE: Garimpeiro é morto com 10 facadas pelo funcionário ao separar briga de casal no rio Madeira
Segundo informações, o acusado estaria consumindo bebida alcoólica com a esposa e em determinado momento após discussão passou a espancá-la com socos.

Por Mario Jensen
Publicado 23/05/2020
Atualizado 23/05/2020
A A
Foto: Reprodução/Rondoniaovivo

O garimpeiro identificado como; A. L. da S., 51 anos, foi assassinado com cerca de 10 facadas pelo funcionário de prenome Ernandes, vulgo "Baixinho". O crime brutal ocorreu na noite de sexta-feira (22), quando a vítima tentava separar uma briga de casal em uma draga no garimpo Belmont, no rio Madeira, em Porto Velho (RO). O autor do homicídio fugiu.

Segundo informações apuradas pelo Rondoniavivo,  o acusado estaria consumindo bebida alcoólica com a esposa e em determinado momento após discussão passou a espancá-la com socos. Nisso, a vítima teria tentado intervir, mas acabou atacada a facadas desferidas pelo funcionário, que fugiu em seguida.

Alcimar ficou agonizando ao chão e ainda foi socorrido por um irmão que foi chamado para o local. O homem levou a vítima de voadeira até a ponte do rio Madeira, onde uma equipe do Samu já o aguardava, mas apenas pode constatar o óbito.

A Polícia Militar, agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) da Polícia Civil,  Perícia Técnica e rabecão do Instituto Médico Legal (IML) foram chamados para os procedimentos cabíveis.

Vítima   Garimpeiro   Polícia Civil   Polícia Militar   Garimpeiro Identificado   Rio Madeira   Porto Velho   Prenome Ernandes   MADEIRA   Garimpo Belmont  

Mais em Polícia

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?